Há post(s) esperando a moderação
Há tópico(s) esperando a moderação

To the Moon


Páginas (3): 1 2 3 Próximo »
22 respostas neste tópico
 #1
[Imagem: wfYyAIv.jpg?1] 

Sobre o jogo

To the Moon é um RPG de Aventura independente, contando a história de dois doutores que viajam pelas memórias de um homem à beira da morte, tentando realizar seu último desejo.  


Sinopse/ Descrição
Dr. Eva Rosalene e Dr. Neil Watts têm um trabalho peculiar:
[Imagem: wc93PwN.png]

Eles dão às pessoas outra chance de viver. Literalmente.

Existe uma tecnologia que permite que especialistas criem memórias artificiais, ela pode ser usada em pacientes que desejam alterar os eventos de suas vidas, substituindo suas memórias antigas por coisas que não aconteceram de verdade.

No entanto, como essas novas memórias são permanentes, o conflito entre elas e as verdadeiras seria tão violento que a pessoa perderia a capacidade de manter suas funções normais.

Logo, essa operação só é realizada em pessoas à beira da morte, para que realizem o que desejavam ter feito em vida… Mas não conseguiram.

Mas criar uma nova memória não é simplesmente apertar um botão.
[Imagem: avatar_8d9dc047dfa3_128.png]

A tecnologia necessita que os especialistas entrem nas memórias do paciente, que são reconstruídas como cenas interativas. Eles, então, viajam gradualmente e em sentido inverso pela vida do paciente até atingirem a infância — nesse ponto, o desejo que o paciente fez no tempo presente será transferido.

Somado à influência desses’ especialistas, o paciente (como criança) poderá, então, levar uma vida inteira diferente dentro de sua mente, esforçando-se para realizar esse último desejo.

Se tudo correr bem, o paciente desperta, após ter vivido a vida dos sonhos que nunca teve, e abraça esse breve momento de inigualável satisfação.

Momentos depois, ocorrerá seu último suspiro.

Essa história acompanha as tentativas de Dra. Rosalene e Dr. Watts’ de realizar o sonho de um idoso que está morrendo, Johnny. Durante a missão, eles viajam através das memórias desse homem, desvendando a curiosa história de sua vida diante de seus olhos.

À medida que vão voltando no tempo, um novo fragmento do passado de Johnny é revelado. E enquanto os dois doutores montam o quebra-cabeça dos eventos de uma vida inteira, tentam também descobrir por que o velhinho escolheu aquele último desejo.


Gêneros: RPG, Aventura, Ficção Científica, Tragicomédia, Psicológico
Idade minima indicada: 12 anos.
Duração: 4 horas e meia, aproximadamente.
Plataforma: PC
Software utilizado na criação: RPG Maker XP
Ano de lançamento: Novembro de 2011

Críticas/Resenhas
“Como explicar por que é brilhante sem estragar a surpresa?”
- Eurogamer 9/10

“To the Moon é um jogo que você precisa jogar.”
- GameSpot 8/10

“Até que a música é legal.”
- Tia do Desenvolvedor

“É simples, comovente, e feito com paixão.”
- PC World (GamePro) 10/10


Sistema
512 de RAM 
Windowns: 98/XP/Vista/7/8/10
100 Megas 
DirectX 9


Download 
•Pode ser encontrado para download procurando por To the moon BR Google
•Esse jogo pode ser encontrado a venda pela Steam custando 17 reais, se você gostar e quiser dar suporte ao criador compre-o.
Eu o comprei e não me arrependo 



Site Oficial

http://freebirdgames.com/
No site oficial tem conteúdo extra, como outro jogos, etc. Que são de graça.
Também no site oficial pode encontrar uma nova história com a Dr. Watts e Dr. Rosalene, "A Bird History".
Responder
 #2
O @Out vai adorar esse tópico.
Já tentei jogar, mas não tive paciência.
Responder
 #3
(15/05/2015, 12:48)ketolow Escreveu: O @Out vai adorar esse tópico.
Já tentei jogar, mas não tive paciência.

É bacaninha, a história é legal e o jogo tem uma estrutura narrativa de muito mérito...
A escolha da "engine" elimina o valor dos outros aspectos em termos profissionais e técnicos, mas a história dá conta de segurar o jogo.
Responder
 #4
(15/05/2015, 12:48)ketolow Escreveu: O @Out vai adorar esse tópico.
Já tentei jogar, mas não tive paciência.

Sacanagem, recebi o alerta com esperança de que tu tivesse jogado.

Quanto ao jogo, tirou meu preconceito com RPG Maker, isso já diz tudo.
kirus curtiu este post.
Responder
 #5
(15/05/2015, 12:48)ketolow Escreveu: O @Out vai adorar esse tópico.
Já tentei jogar, mas não tive paciência.


Se o jogo não te prendeu não te prendeu ^^ 

Tipo é um jogo com uma história muito linda, com uma trilha sonora melhor ainda. Sem contar que tem cenas muito engraçadas e Eastereggs como pokemon ^^
Assim eu não recomendo retomar não, mas se um dia quiser vir a retomar garanto que não vai ser arrepender no quesito história (estória) mas gráficos é aquilo ali Alegre
Responder
 #6
(15/05/2015, 18:19)Out Escreveu: Sacanagem, recebi o alerta com esperança de que tu tivesse jogado.

Quanto ao jogo, tirou meu preconceito com RPG Maker, isso já diz tudo.

Não tem motivo pra ter preconceito com o Maker. É uma ferramenta poderosa nas mãos de quem sabe usar e poupa muito trabalho em termos de oclusão pra quem quer fazer rpg 2D. Escolher usar o esquema de assets dele e etc é outra história... Acho um programa bacana pro povo aprender gamedesign, mas não é uma ferramenta profissional séria, diferente do que a steam parece pensar.
Responder
 #7
Gosto muito da historia desse jogo, já joguei ele 2 vezes só por causa dela(não dá pra jogar esse jogo por outro motivo...), hoje inclusive quando eu voltava no ônibus eu lembrei desse jogo e deu vontade de joga-lo mais uma vez .
Responder
 #8
(15/05/2015, 21:51)jplay Escreveu: Gosto muito da historia desse jogo, já joguei ele 2 vezes só por causa dela(não dá pra jogar esse jogo por outro motivo...)

Eu ri disso... pra tu basicamente não é um RPG, é uma VN... HAHA!
Responder
 #9
(15/05/2015, 22:49)rapier Escreveu: Eu ri disso... pra tu basicamente não é um RPG, é uma VN... HAHA!

Tem que colocar um dicionário de abreviações Lingua

VN?Nem tem ideia do que pode ser ^^


Mas uma outra descrição desse jogo é "É uma história guiada", que também se encaixa muito bem. Mas todos os jogos ou a maioria são uma história guiada tirando Dragon Age, Fall Out, etc. que você pode mudar a história a medida que joga e faz suas escolhas.
RPG... realmente não sei onde se ele encaixa como RPG, mas eu não sei a definição de RPG e como funciona, talvez ele tenha algum elemento de RPG...


Se comprar com anime, eu vejo anime pela história, pelas lições, pelos sentimentos que me passam. Tem gente que vê pelo "PLOT", pela comédia crua...
Esse é um jogo de história e sem elementos gráficos elaborados, ele tem uma trilha sonora que se encaixa ao jogo tanto na história quanto na parte gráfica...


Assim como eu vejo Ecchi e jogo jogos sem história, eu também gosto de jogar jogos assim... Um não desmerece o outro...
Um jogo sem gráficos e com história boa, e um jogo com gráficos bons e com história boa, um não desmerece o outro....



Mas tem gente que não vai suportar ele ou nem vai tentar jogar ele... Ai é questão de gosto... É um jogo de Drama, que fala da morte, logo é um assunto meio pesado e faz pensar na vida, portanto tem uma carga emocional muito forte em cima. Mas ao mesmo tempo tem um roteiro muito divertido que faz você se identificar com os personagens.
Responder
 #10
@kirius Visual Novel é um tipo de jogo baseado em texto, preocupado essencialmente em entreter o leitor pelo enredo e pelo fator escolha, onde por vezes o jogador precisa tomar decisões que mudam o rumo da história, geralmente guiando-o a outra "rota". Basicamente é quase um livro ou mangá digital com sistema de escolha e que na maioria dos casos funciona por meio de sprites dos personagens + música e cenário fixo. To The Moon não se qualifica, mas se vale da mesma vontade de contar história. Provavelmente também seria um jogo melhor se fosse uma VN, principalmente se usasse escolhas, mas nunca te deixasse reverter o que acontece com o protagonista, visto como a história é narrada.
Responder
Páginas (3): 1 2 3 Próximo »

Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes