Há post(s) esperando a moderação
Há tópico(s) esperando a moderação

.hack//SIGN


Páginas (2): 1 2 Próximo »
17 respostas neste tópico
 #1
[Imagem: k3SErbx.jpg]

Ficha técnica:

Título: .hack//SIGN
Título alternativo: Sinônimo: .hack//SIGN, dot hack, dot hack sign, hack sign, hack//SIGN, Хак//Симбол | Japonês: .hack//SIGN | Abreviatura: hack, hackSIGN, sign, Хак
Formato: Série de TV
Gênero: -
Obra original: Obra originalmente escrita para o anime
Público alvo da obra original: -
Editora (Label): -
Escrito por: -
Site oficial: http://www.beetrain.co.jp/contents/works/sign/
Estúdio: Bee Train
Produtora: Bandai Visual, Yomiko Advertising
Diretor: Mashimo Kouichi
Supervisor do script: Itou Kazunori
Character Design: Iwaoka Yuuko, Shiba Minako, Ban Yukiko, Oosawa Satoshi
Data de estréia: 04/04/2002
Emissora: TV Tokyo
Número de episódios: 26
Abertura: "Obsession" por See-Saw
Encerramento: "Yasashii Yoake" por See-Saw
Maiores informações: [ Wikipedia (EN) | Wikipedia (PT) | MyAnimeList | AnimeNewsNetwork | AniDB]
Responder
 #2
Qual a ordem pra ver esses .etc?
Responder
 #3
(04/01/2016, 21:11)mandrake_ Escreveu: Qual a ordem pra ver esses .etc?

Complicado... a ordem padrão é ver a cronologia original, com Sign, Liminality e Tasogare. Dropei o primeiro na metade mas vi os outros 2 completo.

Já o Roots e o Quantum começam novas cronologias.

OST do original era boa...



Essa música aqui embaixo eu programava o tocador de CD pra tocá-la 6 da manhã, preu acordar ao som dela.

Responder
 #4
Eu gostava da ost

Já o anime era uma representação de uma janela de chat de um mmorpg
Responder
 #5
O unico que  vi disso aí foi o quantum.
Responder
 #6
Esse assisti muitas era atrás. Foi a primeira obra que acompanhei com essa temática de ficar preso em um jogo virtual, e me marcou bastante apesar de não ser um anime particularmente bom, mesmo pra época. A OST realmente era fantástica e se destaca bastante pra mim mesmo hoje em dia. Algumas idéias como a da geração de mapas por combinação de palavras, e o modo como havia "recompensas" únicas para os jogadores sempre me pareceram muito interessantes. Lembro que tinha um guri troll que jogava de assassin fazendo PK, mas o personagem que eu achava mais legal era um de roupa vermelha e lança que jogava mais solo e se não me engano fazia parte do povo mais high level. Mas o anime era horrível de acompanhar porque era muito parado no começo, e muito mal explicado mais pro fim. Mas é uma impressão bem antiga também, talvez pensasse diferente atualmente.
Responder
 #7
Acho que esse anime o que fez mais a alegria de todos foram os jogos e suas OSTs com os animes também que era praticamente a mesma trilha sonora, eu não cheguei a ver todos os animes por que joguei todos os jogos lançados da série... e ainda estou no aguardo de um possível lançamento que vai vir HAHA!
Responder
 #8
(05/01/2016, 04:57)Yasanagi Escreveu: Acho que esse anime o que fez mais a alegria de todos foram os jogos e suas OSTs com os animes também que era praticamente a mesma trilha sonora, eu não cheguei a ver todos os animes por que joguei todos os jogos lançados da série... e ainda estou no aguardo de um possível lançamento que vai vir HAHA!

Eu joguei os 3 primeiros jogos de Hack Sign pro PS2. Como eram bem repetitivos, acabei não jogando o último.
ryusaki07 curtiu este post.
Responder
 #9
Joguei o .hack//G.U pra ps2, terminei mais de uma vez, as musicas desse game são lindas demais, lembro até hoje.
Agora anime eu não vi nenhum, baixei o Hack Roots recentemente, precisei de espaço e mandei pro saco, acabei continuando sem conhecer.
Responder
 #10
O anime tem um compasso ligeiramente mais veloz que uma tartaruga perneta, mas me lembro de ter gostado. E tinha uma qualidade visual acima da média para 2002.

Para muitos, a trilha sonora é a única parte memorável.
Responder
Páginas (2): 1 2 Próximo »

Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes