Há post(s) esperando a moderação
Há tópico(s) esperando a moderação

B: The Beginning


Páginas (4): « Anterior 1 2 3 4 Próximo »
33 respostas neste tópico
 #11
Música da OP:



Boa música.
Responder
 #12
Faz tempo que não vejo um anime; comecei a assistir esse pela abertura. Anime 100% anti-Iluminati.

[Imagem: 7oZLaGI.png]

Eu gosto é desse jeito; se mostra a que veio logo de cara.

"Decolem e reúnam-se, o festival das estrelas vem aí"  (Aqui fala sobre um grande encontro que os anonymous farão este ano)
Você é demais! É o novato que queríamos. (Aqui é sobre os recém convertidos, assim como eu, que só veio a descobrir sobre esse grupo, os iluminati e tudo mais no início do ano. Logo após ser hipnotizado por um vídeo.
Não sabia sobre isso (Aqui é o quando eles te mostram como o mundo realmente funciona)

Em Cremona houve uma série de assassitos (Cremona é uma cidade italiana. Eu vi um video que sugere uma reunião deles na Itália, e outro que sugere vários foram mortos na Rússia ou Ucrânia, não me lembro bem. Talvez tenha ligação com isso.
Graças a sua marca ele é chamado de Killer B (Aqui eu não entendi, talvez tenham trocado o A de Anonymous e Anarquista pelo B para não ficar muito óbvio. Também é sabido que muitos deles agem de forma criminosa)

O anime começa mostrando uma garota amarrada, com a boca tampada, correndo na escuridão de uma floresta enquanto é perseguida e vigiada por piscopatas sedentos de sangue. No momento em que ela está prestes a ser morta, eis que surgem vários corvos, dentre eles desce algo par salvá-la. Esta cena é bastante clara, a jovem representa aqueles jovens que cresceram sendo manipulados pelos Iluminattis. Ela, assim como eu teve a sorte de ser salva pelos corvos.

Os velhos psicopatas são uma clara referência aos Iluminates na visão dos Anonymous. Os anonymous se identificam como corvos. A simbologia envolvendo o animal em várias diversas mitologias antigas tinham ele como o símbolo de proteção, regeneração e de mensageira de boas energias. No leste asiático, e na escandinávia, onde se encontram a maior parte dos verdadeiros anonymous o corvo tem um significado parecido. No oriente o corvo é visto como simbolo da gratidão, o amor familiar, o mensageiro divino que representa da luz e do bom presságio, capaz de se orientar em terras desconhecidas. Na escandinária eram os mensageiros dos Deuses.

 A cena termina em plano aberto de uma montanha que é muita parecida com a pitura A Torre de Babel  de Bruegel. Isso por si só já diz várias coisas.

A abertura dá enfase a um pena de corvo, que denota um certo rastro ou até mesmo um sacrifício dos anonymous. A letra "B" surge de duas formas, uma escrita no formato parecido com o Bitcoin (que há vestigios de ser uma criação deles) e outra em uma fonte tipíca de anarquista ou do A, e de anonymous. Além de uma caveira junto a outros limbolos masónicos.

logo em seguida é mostrado um jovem que caminha tranquilo sobre um telhado e debaixo de céu azul, até que pula na rua e começa sua rotina do dia a dia. (Uma pequena analogia com a vida-dupla que anonymous levam).



O episódio 2 abre com o lado B dos Anonymous. Aqueles que se denominam parte do grupo mas não tem caráter. Se colocam no papel de julgadores. Acham que podem sacrificar pessoas inocentes ou até mesmo os não tão inocentes. Àqueles que vivem traindo uns aos outros. O coelho é uma referência clara aqui.

Depois da abertura vem uma mensagem de incentivo aos novos convertidos e novamente a mostram a ligação entre o Japão e a Europa. O corvo retruca que só consegue fazer essas coisas por causa do Gagliano (a ferramenta) que foi feito a 300 anos. Bem, o que fez trezentos anos recentmente foi a maçonaria. A francesa nasceu em 1717.
Responder
 #13
Ave maria, não percebi 1/4 do que você falou no anime.
Responder
 #14
Zankyou no Terror já era ruim, americanizado com super poder então... nvnv
Ainda mais já tendo lançado os 12ep de uma vez
Responder
 #15
(03/03/2018, 20:42)gaogoa Escreveu: Ave maria, não percebi 1/4 do que você falou no anime.

Os animes estão em um mar de superfecilidade e perversão. Deve ser difícil achar algo mais profundo nesse atoleiro, ainda mais quando se assisti a muita coisa.
Responder
 #16
(05/03/2018, 18:36)Corvus70x7 Escreveu: Os animes estão em um mar de superfecilidade e perversão. Deve ser difícil achar algo mais profundo nesse atoleiro, ainda mais quando se assisti a muita coisa.

O que isso tem a ver com o tópico? Podia ter um feito um comentário sobre o anime em si.
Responder
 #17
(05/03/2018, 18:40)rapier Escreveu: O que isso tem a ver com o tópico? Podia ter um feito um comentário sobre o anime em si.
Não assisti nenhum outro episódio, de qualquer anime que seja depois do segundo desse.

Fiz este comentário para que nosso amigo reflita sobre o quê ele anda assistindo. Plantar uma pequena semente. Talvez ele pense mais sobre isso. Talvez ele  dê mais valor as pessoas que realmente possuem talento e se esforçam para fazer algo bom.
Responder
 #18
e por que as pessoas deviam refletir sobre o que assistem? animes são assistidos pra entretenimento e diversão, quando se quer conhecimento, reflexão e afins se procura outro tipo de mídia.
Responder
 #19
Não há nenhum impedimento para o entretenimento caminhe ao lado do conhecimento.
Responder
 #20
Terminei de assistir essa coisa agora a pouco, só valeu a pena ver isso por causa da Lily, ela é muito amor Love

Tirando isso, o restante foi fraco, teve ep que foi um martírio assistir.

O zé de asas negras... Facepalm a dona que ela salva também nem fede nem cheira.

Ep final foi uma merda, ia dar nota 2 pro anime, mas depois dos créditos, pelo que entendi esse troço terá uma possível continuação.

Com isso, uma nota entre 5~6 está de bom tamanho, pelo menos espero que na provável continuação expliquem as coisas direito sobre o povo do asa negra.
Responder
Páginas (4): « Anterior 1 2 3 4 Próximo »

Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes